Entrevista a Susana Lopes, ''Yoga e Maternidade''| Parte II

by - 00:00:00

Olá a todos!



Como prometido, hoje estou de volta com a parte II da entrevista realizada a Susana Lopes, autora do livro ''Yoga e Maternidade''. Uma vez mais, agradeço à Chiado Editora e à Susana pelo tempo dispensado para a realização desta entrevista!

6- De acordo com a sua experiência e com o que menciona o Yoga trás imensas vantagens também ao feto que a mulher carrega. Aconselha que após o nascimento continuem com a prática do Yoga? 

SL-Sim, sabemos que o bebé praticante do yoga dentro da barriga da mãe, é mais capaz de se desenvolver harmoniozamente, usufruindo do reforço do equilíbrio, serenidade, energia, pensamento e emoções positivas da mãe, existe uma conexão mais profunda entre os dois. Após o parto, e assim que a mãe e o bebé se sentirem preparados, podem reiniciar a prática do yoga de recuperação pós parto, mais uma vez, o yoga adaptado a este periodo, que vai fomentar a ligação entre os dois para além da recuperação física e emocional da mãe. 

7- Qual foi o seu maior desafio a escrever este livro? 

SL-Encontrar a equipa certa, eu queria que este fosse um livro inspirador não só ao nível da leitura mais também da imagem porque muitas mães grávidas iriam lê-lo e eu queria dar-lhes informação mas era fundamental transmitir-lhes beleza, tranquilidade, confiança, tudo o que uma mãe e o bebé precisam para se desenvolver e transformar haroniozamente durante este período. Não podiam ser apenas imagens de yoga, tinha de transmitir emoção. Sei que a minha pequena Mariana, dentro da minha barriga, também trabalhou muito para este livro. 



8- Acredita que o Yoga ainda se encontra pouco presente e pouco praticado em Portugal? 

SL-Existem cada vez mais praticantes de Yoga em Portugal e no Mundo mas existe pouco conhecimento do quanto a vida stressada e corrida pode afetar a mãe e o desenvolvimento do bebé. Nas últimas décadas são espantosas as descobertas sobre a complexidade da vida de um bebé ainda no útero materno, com um tempo tão curto de existência mas já com tanta consciência e sensibilidade. Estas investigações confirmam também a influência que os ambientes físicos, emocionais, mentais e energéticos têm sobre a mãe e o seu bebé, podendo fazer a diferença em como ambos irão viver a sua vida durante a gravidez, o trabalho de parto e a sua predisposição para a vida após o parto. Mães que vivenciam sentimentos de ansiedade, stress, frustração e depressão durante a gravidez têm uma maior tendência para a falta de conexão e vínculo com o seu bebé, influenciando a vida intrauterina, o desenvolvimento do bebé, e até mesmo o trabalho de parto e pós-parto. É por isso que é tão importante que a mãe esteja bem informada, aprenda os meios e tenha as ferramentas para harmonizar os seus sentimentos e pensamentos para o melhor começo de vida do seu bebé. 

9- Qual é, para si, a maior vantagem que o Yoga já lhe trouxe? Sentiu alguma mudança desde que começou a praticar? 

SL-No início foi o bem-estar, boa forma, tranquilidade, mais alegria de viver, depois foi a sabedoria, o voltar-me para dentro de mim mesma, sentir o meu corpo, as minhas emoções, sentir-me a mim e ao bebé. Ajudou-me a explorar a minha sensibilidade feminina, e a estar mais presente em todos os momentos da gravidez, reduzindo os meus medos e inseguranças. 

10- Qual é o conselho que deixa às pessoas que vão ler o seu livro?

 SL-Que leiam, sintam, inspirem-se e pratiquem. Não existe a altura ideal para começar a praticar a não ser agora, faz bem a si e ao seu bebé. A prática dever feita num local onde a mãe e o bebé se sintam bem, porque não em casa? O livro possui no final 3 aulas para 3 fases da gestação que qualquer mãe pode fazer seguindo as indicações no livro. Na minha vida diária ajudo mães de diversas partes do mundo a planearem a sua prática diária através das minhas sessões online. Quem quizer sempre falar comigo através do meu site www.GravidezSemStress.com ou email susana@motherandbabybond.com



 11- Tem alguma mensagem que gostaria de deixar aos seus leitores? 

SL-As mulheres devem ser relembradas que a mãe humana é também uma manifestação da Mãe Universal, da Natureza, e o yoga na gravidez ajuda a mulher a reencontrar-se com os processos vitais do planeta, que regulam, protegem e sustentam a vida, como mulher fará com o seu bebé dentro de si, ela vai ser a inspiradora do seu bebé. O yoga adaptado à gravidez é um método seguro e benéfico, reforçador da capacidade da mãe de amar e de se vincular com o bebé, para uma gestação mais plena, saudável e feliz. Isso também levará à criação de um mundo mais consciente, conectado, com mais amor e afecto, relançando o futuro da humanidade. 

Podem adquirir este livro no site da Chiado Editora e acompanhar o trabalho da Susana no seu canal de Youtube!

FacebookTwitterYoutube & Instagram

Beijinhos e até ao próximo post <3


You May Also Like

20 comentários

  1. Óptima partilha! Fiz yoga durante uns 6 meses já há muitos anos e até que gostei! :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  2. Very inspiring post. I really enjoy doing yoga for calmness and just being in the moment.

    www.fashionradi.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Thank u <3 Yoga is great to relax not only our body, but also our mind

      Eliminar
  3. Yoga is very helpful in all aspect. Thank you for sharing great post.
    New Post on My Blog | Instagram | Bloglovin

    ResponderEliminar
  4. Que entrevista interessante.
    Eu não sabia que a yoga era boa para as grávidas e os bebês.
    Beijinhos!

    galerafashion.com

    ResponderEliminar
  5. Gostei da entrevista! Legal saber mais sobre yoga ainda mais no momento de gravidez.

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderEliminar
  6. Oi
    interessante a entrevista, confesso que não leria até por não ser o público alvo, mas acho legal quem pratica yoga.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderEliminar
  7. Olá, Patrícia.
    Acredito que seja muito benéfico em qualquer fase da vida. Por isso acho que seja interessante não só para quem é gestante.

    Prefácio

    ResponderEliminar
  8. Post interessante, apesar que eu não curto muito yoga...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderEliminar